segunda-feira, 30 de abril de 2012


Todo Dia Com Jesus

João 8:21-36

Os judeus haviam declarado ao Senhor que o Seu testemunho não era verdadeiro (v. 13). Para que, então, perguntar-Lhe agora quem Ele é (v. 25)? Jesus só pode responder-lhes: "Que é que desde o princípio vos tenho dito?" As Suas palavras são a perfeita expressão do que Ele é (Salmo 17:3). Que contraste há entre o que dizemos ou mostramos aos demais e o que somos na realidade. Tudo o que o Senhor Jesus disse e fez estava em perfeita harmonia com o pensamento de Seu Pai. "Porque eu faço sempre o que Lhe agrada", pôde afirmar o Senhor. Modelo inimitável que, contudo, devemos almejar por imitar!
O Senhor Jesus promete plena libertação aos que nEle crêem. Porém os judeus presentes protestam: "Jamais fomos escravos de alguém" (v. 33). Devido a um estranho lapso de memória, ou melhor, por orgulho, eles apagaram de sua história Egito, Babilônia... e o presente domínio romano. Assim é o homem: não admite ser escravo do pecado e se imagina livre para fazer somente o que quer (2 Pedro 2:19).
Reconheçamos, queridos amigos, a terrível condição em que estávamos outrora; mas também demo-nos conta da verdadeira liberdade que o Filho de Deus nos tem colocado ao fazer que também sejamos filhos de Deus.

Diante do Trono se apresenta em duas cidades do Rio de Janeiro


Os fiéis das cidades de São Gonçalo e Petrópolis poderão assistir ao show do grupo de louvor Diante do Trono no próximo feriado, 1º de maio. Essa será a primeira vez que o ministério liderado por Ana Paula Valadão irá se apresentar em duas cidades no mesmo dia.
No período da tarde, a partir das 16h, eles se apresentarão em São Gonçalo, a segunda cidade mais populosa do Estado do Rio de Janeiro. O Diante do Trono vai participar de um evento promovido pela prefeitura para comemorar o Dia do Trabalhador que ainda terá a participação de Fernanda Brum e Bruna Karla.
A partir das 21h o grupo estará em Petrópolis participando de um evento organizado pelo Conselho dos Ministros Evangélicos do Município de Petrópolis (Comemp), com o apoio da Prefeitura. Na Cidade Imperial o grupo vai participar de uma noite de louvor e adoração, essa será a primeira vez que o ministério se apresenta na cidade.
Os moradores das cidades vizinhas como Teresópolis, Três Rios, Nova Friburgo e Paraíba do Sul já estão montando uma caravana para participar do evento da Comemp e o prefeito de Petrópolis, Paulo Mustrangi, está bastante ansioso por essa apresentação. “Nós conseguimos agenda com o Diante do Trono e eu tenho certeza que será o maior evento gospel que essa cidade já teve oportunidade de presenciar”, disse o prefeito.


Fonte: http://musica.gospelprime.com.br

1 Reis 12


1 E FOI Roboão para Siquém; porque todo o Israel se reuniu em Siquém, para o fazerem rei.
2 Sucedeu que, Jeroboão, filho de Nebate, achando-se ainda no Egito, para onde fugira de diante do rei Salomão, voltou do Egito,
3 Porque mandaram chamá-lo; veio, pois, Jeroboão e toda a congregação de Israel, e falaram a Roboão, dizendo:
4 Teu pai agravou o nosso jugo; agora, pois, alivia tu a dura servidão de teu pai, e o pesado jugo que nos impôs, e nós te serviremos.
5 E ele lhes disse: Ide-vos até ao terceiro dia, e então voltai a mim. E o povo se foi.
6 E teve o rei Roboão conselho com os anciãos que estiveram na presença de Salomão, seu pai, quando este ainda vivia, dizendo: Como aconselhais vós que se responda a este povo?
7 E eles lhe falaram, dizendo: Se hoje fores servo deste povo, e o servires, e respondendo-lhe, lhe falares boas palavras, todos os dias serão teus servos.
8 Porém ele deixou o conselho que os anciãos lhe tinham dado, e teve conselho com os jovens que haviam crescido com ele, que estavam diante dele.
9 E disse-lhes: Que aconselhais vós que respondamos a este povo, que me falou, dizendo: Alivia o jugo que teu pai nos impôs?
10 E os jovens que haviam crescido com ele lhe falaram: Assim dirás a este povo que te falou: Teu pai fez pesadíssimo o nosso jugo, mas tu o alivia de sobre nós; assim lhe falarás: Meu dedo mínimo é mais grosso do que os lombos de meu pai.
11 Assim que, se meu pai vos carregou de um jugo pesado, ainda eu aumentarei o vosso jugo; meu pai vos castigou com açoites, porém eu vos castigarei com escorpiões.
12 Veio, pois, Jeroboão e todo o povo, ao terceiro dia, a Roboão, como o rei havia ordenado, dizendo: Voltai a mim ao terceiro dia.
13 E o rei respondeu ao povo duramente; porque deixara o conselho que os anciãos lhe haviam dado.
14 E lhe falou conforme ao conselho dos jovens, dizendo: Meu pai agravou o vosso jugo, porém eu ainda aumentarei o vosso jugo; meu pai vos castigou com açoites, porém eu vos castigarei com escorpiões.
15 O rei, pois, não deu ouvidos ao povo; porque esta revolta vinha do Senhor, para confirmar a palavra que o Senhor tinha falado pelo ministério de Aías, o silonita, a Jeroboão, filho de Nebate.
16 Vendo, pois, todo o Israel que o rei não lhe dava ouvidos, tornou-lhe o povo a responder, dizendo: Que parte temos nós com Davi? Não há para nós herança no filho de Jessé. Às tuas tendas, ó Israel! Provê agora a tua casa, ó Davi. Então Israel se foi às suas tendas.
17 No tocante, porém, aos filhos de Israel que habitavam nas cidades de Judá, também sobre eles reinou Roboão.
18 Então o rei Roboão enviou a Adorão, que estava sobre os tributos; e todo o Israel o apedrejou, e ele morreu; mas o rei Roboão se animou a subir ao carro para fugir para Jerusalém.
19 Assim se rebelaram os israelitas contra a casa de Davi, até ao dia de hoje.
20 E sucedeu que, ouvindo todo o Israel que Jeroboão tinha voltado, enviaram, e o chamaram para a congregação, e o fizeram rei sobre todo o Israel; e ninguém seguiu a casa de Davi senão somente a tribo de Judá.
21 Vindo, pois, Roboão a Jerusalém, reuniu toda a casa de Judá e a tribo de Benjamim, cento e oitenta mil escolhidos, destros para a guerra, para pelejar contra a casa de Israel, para restituir o reino a Roboão, filho de Salomão.
22 Porém veio a palavra de Deus a Semaías, homem de Deus, dizendo:
23 Fala a Roboão, filho de Salomão, rei de Judá, e a toda a casa de Judá, e a Benjamim, e ao restante do povo, dizendo:
24 Assim diz o Senhor: Não subireis nem pelejareis contra vossos irmãos, os filhos de Israel; volte cada um para a sua casa, porque eu é que fiz esta obra. E ouviram a palavra do Senhor, e voltaram segundo a palavra do Senhor.
25 E Jeroboão edificou a Siquém, no monte de Efraim, e habitou ali; e saiu dali, e edificou a Penuel.
26 E disse Jeroboão no seu coração: Agora tornará o reino à casa de Davi.
27 Se este povo subir para fazer sacrifícios na casa do Senhor, em Jerusalém, o coração deste povo se tornará a seu senhor, a Roboão, rei de Judá; e me matarão, e tornarão a Roboão, rei de Judá.
28 Assim o rei tomou conselho, e fez dois bezerros de ouro; e lhes disse: Muito trabalho vos será o subir a Jerusalém; vês aqui teus deuses, ó Israel, que te fizeram subir da terra do Egito.
29 E pôs um em Betel, e colocou o outro em Dã.
30 E este feito se tornou em pecado; pois que o povo ia até Dã para adorar o bezerro.
31 Também fez casa nos altos; e constituiu sacerdotes dos mais baixos do povo, que não eram dos filhos de Levi.
32 E fez Jeroboão uma festa no oitavo mês, no dia décimo quinto do mês, como a festa que se fazia em Judá, e sacrificou no altar; semelhantemente fez em Betel, sacrificando aos bezerros que fizera; também em Betel estabeleceu sacerdotes dos altos que fizera.
33 E sacrificou no altar que fizera em Betel, no dia décimo quinto do oitavo mês, que ele tinha imaginado no seu coração; assim fez a festa aos filhos de Israel, e sacrificou no altar, queimando incenso.

domingo, 29 de abril de 2012


Todo Dia Com Jesus

João 8:1-20

Os escribas e os fariseus pensam que podem fazer o Senhor Jesus cair em uma armadilha particularmente sutil. Por meio dEle, a graça e a verdade vieram juntas (1:17). Se Ele condena esta mulher culpada, onde está a graça que todos eles conheciam (Lucas 4:22)? Se Ele a perdoa, não está isso em prejuízo da verdade e em contradição com a Lei? Em Sua sabedoria infalível, o Senhor Jesus lhes mostra que essa Lei alcança a todos. Isso tem sido comparado a uma espada sem o cabo que fere primeiro a pessoa que a usa.
Mas, ai! em lugar de confessar os pecados dos quais se deram conta, os acusadores se retiram, um após o outro, envergonhados (Jó 5:13). "A Luz do mundo" está diante deles (v. 12). Mas "os homens amaram mais as trevas do que a luz", tal como insetos que se escondem em outra parte quando é levantada a pedra que os abriga (cap. 3:19). Por fim, o Único que, não tendo pecado, teria todo o direito de ministrar o castigo, diz à mulher: "Nem eu tampouco te condeno". Ele acrescenta: "Vai, e não peques mais" (v. 11). Muitas pessoas se esforçam por merecer o perdão de Deus por uma boa conduta, enquanto a prioridade do Senhor começa por perdoar, vindo somente depois a ordem de não pecar mais (compare 5:14; Salmo 130:4; 1 João 3:9).

Música - Cassiane apresenta seu estúdio no programa TV Garagem do Faustão


O TV Garagem do Faustão esteve visitando o estúdio de Cassiane e Jairinho que é um dos maiores estúdios musicais da América Latina.

É nesse espaço localizado na Ilha do Governador, no Rio de Janeiro, que os CDs da cantora evangélica são gravados.

Com o nome de Reuel Stúdios surgiu em dois cômodos na casa da mãe de Cassiane, durante muito tempo o maestro e esposo da cantora trabalhou nesse lugar para produzir e gravar muitos trabalhos.

Mas hoje o trabalho cresceu e não são apenas eles dois que utilizam esse espaço, equipados com os melhores produtos do ramo o Reuel é aberto para que diversos artistas possam trabalhar e gravar nele.

“Eu falo que o meu negócio é só cantar, o resto é com ele”, disse Cassiane se referindo ao esposo que além de cantor, é produtor musical e maestro. Jairinho faz a produção de CDs de grandes artistas do gospel.

Veja o vídeo do site do Faustão:
 


Fonte: Gospel Prime

Governo chinês quer fechar todas as igrejas evangélicas do país Programa de erradicação do cristianismo deve durar 10 anos


 Governo chinês quer fechar todas as igrejas evangélicas do país
O governo da China está lançando uma campanha de três fases para erradicar todas as igrejas evangélicas do país. Esse foi o teor do comunicado divulgado em abril pela Associação de Ajuda à China, ONG que envia missionários para solo chinês.
A estratégia do governo foi claramente delineada em um documento divulgado em setembro passado, durante uma aula de treinamento gerido pela Administração Estatal para Assuntos Religiosos da China.
De janeiro a junho deste ano, o documento revela que as autoridades locais estão conduzindo uma investigação completa, para listar as igrejas de todo o país que funcionam nas casas chinesas, e fazer dossiês completos sobre cada uma delas.
Na fase dois, nos  dois anos seguintes, as autoridades irão encorajar as “igrejas não registradas” para se filiar ao Movimento Patriótico da Tríplice Autonomia, que monitora tudo o que acontece nos templos. A fase três, a ser concluída em até 10 anos, as igrejas que se recusam a seguir as regras seriam fechadas e os líderes condenados.
Os funcionários do governo também devem banir as palavras “igreja nos lares” de todos os relatórios sobre igrejas em sites e outros meios de comunicação. Agora, só podem usar o termo “reuniões em casas”, um termo que remete aos grupos reunidos em sites afiliados ao MPTA.
Em uma pesquisa recente, conduzida em várias províncias chinesas, mais de 95% dos líderes de igrejas caseiras disseram que já sentiram o impacto dessas investigações, enquanto 85% disseram que investigadores  já haviam feito um dossiê sobre seu grupo.
“Desde o início de 2012, temos notado um aumento na freqüência da perseguição”, disse a Associação de Ajuda à China em um comunicado de imprensa.  “Além da perseguição contínua das igrejas em Pequim, o número de casos semelhantes aumentou 20% em comparação ao  ano passado e se espalhou para outras áreas, incluindo ações contra educação, publicação e livrarias cristãs.”
A campanha foi lançada em dezembro de 2010 através de um documento intitulado “Operação Repressão”, emitido pelo Comitê Central do Partido Comunista.  Esta diretriz pedia às autoridades de todos os níveis para “levar” os cristãos das igrejas nos lares a freqüentar  somente as igrejas registradas e aprovadas pelo governo e acabar com igrejas grandes que se reúnem também em  grupos menores.
A Igreja Shouwang, que reúne mil membros, viu a pressão aumentar muito nos últimos meses.  ”No ano passado … a nossa experiência com o Senhor era diferente a cada semana. Foi  Sua graça e paz que nos protegeram e nos sustentaram até agora “, declara um líder da igreja
Essa operação também irá registrar todos os pastore, como uma maneira de continuar controlando o crescimento cristão e o surgimento de novas igrejas. Esse  processo deverá estar concluído até o final de 2012, segundo um comunicado oficial.
Segundo o documento divulgado em setembro passado, o governo planeja usar “medidas humanas da lei de execução” para alcançar a erradicação total de igrejas nos lares.  Ou seja, pastores que se negarem a cumprir a lei serão mortos por desobedeceram a lei.
Traduzido e adaptado de Charisma News


Fonte: http://noticias.gospelprime.com.br

1 Reis 11


1 E O REI Salomão amou muitas mulheres estrangeiras, além da filha de Faraó: moabitas, amonitas, edomitas, sidônias e hetéias,
2 Das nações de que o Senhor tinha falado aos filhos de Israel: Não chegareis a elas, e elas não chegarão a vós; de outra maneira perverterão o vosso coração para seguirdes os seus deuses. A estas se uniu Salomão com amor.
3 E tinha setecentas mulheres, princesas, e trezentas concubinas; e suas mulheres lhe perverteram o coração.
4 Porque sucedeu que, no tempo da velhice de Salomão, suas mulheres lhe perverteram o coração para seguir outros deuses; e o seu coração não era perfeito para com o Senhor seu Deus, como o coração de Davi, seu pai,
5 Porque Salomão seguiu a Astarote, deusa dos sidônios, e Milcom, a abominação dos amonitas.
6 Assim fez Salomão o que parecia mal aos olhos do Senhor; e não perseverou em seguir ao Senhor, como Davi, seu pai.
7 Então edificou Salomão um alto a Quemós, a abominação dos moabitas, sobre o monte que está diante de Jerusalém, e a Moloque, a abominação dos filhos de Amom.
8 E assim fez para com todas as suas mulheres estrangeiras; as quais queimavam incenso e sacrificavam a seus deuses.
9 Pelo que o Senhor se indignou contra Salomão; porquanto desviara o seu coração do Senhor Deus de Israel, o qual duas vezes lhe aparecera.
10 E acerca deste assunto lhe tinha dado ordem que não seguisse a outros deuses; porém não guardou o que o Senhor lhe ordenara.
11 Assim disse o Senhor a Salomão: Pois que houve isto em ti, que não guardaste a minha aliança e os meus estatutos que te mandei, certamente rasgarei de ti este reino, e o darei a teu servo.
12 Todavia nos teus dias não o farei, por amor de Davi, teu pai; da mão de teu filho o rasgarei;
13 Porém todo o reino não rasgarei; uma tribo darei a teu filho, por amor de meu servo Davi, e por amor a Jerusalém, que tenho escolhido.
14 Levantou, pois, o Senhor contra Salomão um adversário, Hadade, o edomeu; ele era da descendência do rei em Edom.
15 Porque sucedeu que, estando Davi em Edom, e subindo Joabe, o capitão do exército, a enterrar os mortos, feriu a todo o homem em Edom
16 (Porque Joabe ficou ali seis meses com todo o Israel, até que destruiu a todo o homem em Edom).
17 Hadade, porém, fugiu, ele e alguns homens edomeus, dos servos de seu pai, com ele, para ir ao Egito; era, porém, Hadade muito jovem.
18 E levantaram-se de Midiã, e foram a Parã, e tomaram consigo homens de Parã, e foram ao Egito ter com Faraó, rei do Egito, o qual lhe deu uma casa, e lhe prometeu sustento, e lhe deu uma terra.
19 E achou Hadade grande graça diante de Faraó, de maneira que lhe deu por mulher a irmã de sua mulher, a irmã de Tafnes, a rainha.
20 E a irmã de Tafnes deu-lhe um filho, Genubate, o qual Tafnes criou na casa de Faraó; e Genubate estava na casa de Faraó, entre os filhos de Faraó.
21 Ouvindo, pois, Hadade, no Egito, que Davi adormecera com seus pais, e que Joabe, capitão do exército, era morto, disse Hadade a Faraó: Despede-me, para que vá à minha terra.
22 Porém Faraó lhe disse: Pois que te falta comigo, que procuras partir para a tua terra? E disse ele: Nada, mas todavia despede-me.
23 Também Deus lhe levantou outro adversário, a Rezom, filho de Eliada, que tinha fugido de seu senhor Hadadezer, rei de Zoba,
24 Contra quem também ajuntou homens, e foi capitão de um esquadrão, quando Davi os matou; e, indo-se para Damasco, habitaram ali, e reinaram em Damasco.
25 E foi adversário de Israel, por todos os dias de Salomão, e isto além do mal que Hadade fazia; porque detestava a Israel, e reinava sobre a Síria.
26 Até Jeroboão, filho de Nebate, efrateu, de Zereda, servo de Salomão (cuja mãe era mulher viúva, por nome Zerua), também levantou a mão contra o rei.
27 E esta foi a causa por que levantou a mão contra o rei: Salomão tinha edificado a Milo, e cerrou as aberturas da cidade de Davi, seu pai.
28 E o homem Jeroboão era forte e valente; e vendo Salomão a este jovem, que era laborioso, ele o pôs sobre todo o cargo da casa de José.
29 Sucedeu, pois, naquele tempo que, saindo Jeroboão de Jerusalém, o profeta Aías, o silonita, o encontrou no caminho, e ele estava vestido com uma roupa nova, e os dois estavam sós no campo.
30 E Aías pegou na roupa nova que tinha sobre si, e a rasgou em doze pedaços.
31 E disse a Jeroboão: Toma para ti os dez pedaços, porque assim diz o Senhor Deus de Israel: Eis que rasgarei o reino da mão de Salomão, e a ti darei as dez tribos.
32 Porém ele terá uma tribo, por amor de Davi, meu servo, e por amor de Jerusalém, a cidade que escolhi de todas as tribos de Israel.
33 Porque me deixaram, e se encurvaram a Astarote, deusa dos sidônios, a Quemós, deus dos moabitas, e a Milcom, deus dos filhos de Amom; e não andaram pelos meus caminhos, para fazerem o que é reto aos meus olhos, a saber, os meus estatutos e os meus juízos, como Davi, seu pai.
34 Porém não tomarei nada deste reino da sua mão; mas por príncipe o ponho por todos os dias da sua vida, por amor de Davi, meu servo, a quem escolhi, o qual guardou os meus mandamentos e os meus estatutos.
35 Mas da mão de seu filho tomarei o reino, e darei a ti, as dez tribos dele.
36 E a seu filho darei uma tribo; para que Davi, meu servo, sempre tenha uma lâmpada diante de mim em Jerusalém, a cidade que escolhi para pôr ali o meu nome.
37 E te tomarei, e reinarás sobre tudo o que desejar a tua alma; e serás rei sobre Israel.
38 E há de ser que, se ouvires tudo o que eu te mandar, e andares pelos meus caminhos, e fizeres o que é reto aos meus olhos, guardando os meus estatutos e os meus mandamentos, como fez Davi, meu servo, eu serei contigo, e te edificarei uma casa firme, como edifiquei a Davi, e te darei Israel.
39 E por isso afligirei a descendência de Davi; todavia não para sempre.
40 Assim Salomão procurou matar Jeroboão; porém Jeroboão se levantou, e fugiu para o Egito, a ter com Sisaque, rei do Egito; e esteve no Egito até que Salomão morreu.
41 Quanto ao mais dos atos de Salomão, e a tudo quanto fez, e à sua sabedoria, porventura não está escrito no livro dos feitos de Salomão?
42 E o tempo que reinou Salomão, em Jerusalém, sobre todo o Israel foi quarenta anos. 43

sábado, 28 de abril de 2012


Todo Dia Com Jesus

João 7:37-53

Esses capítulos 6 e 7 do Evangelho de João nos levam a pensar em Êxodo 16 e 17, respectivamente. No capítulo 6, o Senhor Jesus é apresentado como o verdadeiro pão vindo do céu, do qual o maná é apenas uma figura. Na passagem de hoje, Ele está diante de nós como a rocha de Êxodo 17, da qual a água da vida brota em abundância. No capítulo 55 de seu livro, Isaías anuncia o convite a todos "os sedentos", para que venham às águas da graça. Mas aqui é o próprio Salvador que exclama: "Se alguém tem sede, venha a mim e beba" (v. 37). E o crente assim, cheio do Espírito Santo, vem a ser um canal de bênção para outros (v. 38).
Infelizmente a única resposta deles é mais argumentos. Isso é como que se pessoas sedentas, diante de uma fonte de água pura, discutissem a composição química da água ou a sua origem, em vez de bebê-la!
O final do capítulo ainda nos mostra dois testemunhos a favor do Senhor diante dos fariseus. Os guardas enviados para prendê-LO são obrigados a reconhecer que as Suas palavras não são humanas: "Jamais alguém falou como este homem". E depois disso Nicodemos timidamente intercede a favor dAquele com quem, no capítulo 3, teve uma conversa pessoal e inesquecível.

Vem aí a gravação do novo CD de Fernandinho, dias 29 e 30 /05


Fernandinho  já é um grande nome na música gospel brasileira! O cantor que nasceu em Sergipe, mais precisamente em Aracaju, também é Pastor evangélico e líder do Ministério Faz Chover. Com 38 anos de idade e mais de 10 anos de carreira já lançou 8 álbuns, dentre eles “Sou Feliz” que teve seu lançamento em 2011 e vendeu mais de 50 mil cópias na primeira semana de vendas.
Para presentear o público, o ano de 2012 chega com muitas novidades para o ministério do cantor, entre elas, a gravação do seu novo CD que será realizada nos dias 29 e 30 de maio, em Campos dos Goytacazes/RJa partir das 19 horas.
Prepare-se, pois vem aí mais um CD pra impactar a sua vida!
Em breve maiores informações.
Com informações Faz Chover
——

39º Encontro Sepal: 1800 pastores se reunirão para debater o futuro da igreja evangélica no Brasil

39º Encontro Sepal: 1800 pastores se reunirão para debater o futuro da igreja evangélica no Brasil
A organização Sepal (Servindo aos pastores e líderes) realizará entre os dias 7 e 11 de Maio o “39º Encontro Sepal para pastores e líderes”. A organização do evento prevê a presença de 1800 pastores no evento que acontecerá em Águas de Lindóia, interior de São Paulo.
As discussões nessa edição do encontro serão em torno do tema “Igreja Irresistível”. As perguntas sobre como será a igreja nos próximos anos, o crescimento da população evangélica no país, que hoje representa 20,2% de toda a população do Brasil, e o surgimento da categoria de “evangélicos não praticantes”, que atualmente equivale a cerca de 3% dos evangélicos brasileiros, estão entre os assuntos a serem abordados no evento.
Outros âmbitos da igreja evangélica brasileira, como a mobilidade religiosa, que tem tornado cada vez mais comum as trocas de denominações por parte das pessoas, também serão discutidos.
A busca por uma “Igreja Irresistível”, que atraia pessoas e as mantenha em sua comunidade será abordada por palestrantes durante o encontro. Entre os convidados, estão o pastor Bill Hybells, da megaigreja Willow Creek, no Estado de Illinois, nos Estados Unidos; Luiz Sayão, professor da área bíblica e de hebraico do Seminário Servo de Cristo e da Faculdade Teológica Batista de São Paulo; Paulo Mazoni, pastor da Igreja Batista Central de Belo Horizonte; Marcos Amado, pastor de missões da Igreja Batista do Morumbi e missionário da Sepal; Nancy Beach, vice-presidente-executiva de artes da Willow Creek Association, entre outros.
O cantor e pastor Adhemar de Campos ministrará o louvor durante o evento. De acordo com a assessoria de imprensa da Sepal, em breve a organização do evento divulgará maiores detalhes sobre toda a programação do 39º encontro.
Para saber mais sobre o evento, acesse a página do evento em facebook.com/sepal.org.br ou acompanhe as informações através do twitter.com/sepal_digital. Há ainda uma página exclusiva do evento no Facebook.
39º Encontro Sepal
7 a 11 de maio de 2012
Hotel Monte Real/Águas de Lindóia
Para inscrições acesse o site sepaleventos.org.br
Fonte: Gospel+

1 Reis 10


1 E OUVINDO a rainha de Sabá a fama de Salomão, acerca do nome do Senhor, veio prová-lo com questões difíceis.
2 E chegou a Jerusalém com uma grande comitiva; com camelos carregados de especiarias, e muitíssimo ouro, e pedras preciosas; e foi a Salomão, e disse-lhe tudo quanto tinha no seu coração.
3 E Salomão lhe deu resposta a todas as suas perguntas, nada houve que não lhe pudesse esclarecer.
4 Vendo, pois, a rainha de Sabá toda a sabedoria de Salomão, e a casa que edificara,
5 E a comida da sua mesa, e o assentar de seus servos, e o estar de seus criados, e as vestes deles, e os seus copeiros, e os holocaustos que ele oferecia na casa do Senhor, ficou fora de si.
6 E disse ao rei: Era verdade a palavra que ouvi na minha terra, dos teus feitos e da tua sabedoria.
7 E eu não cria naquelas palavras, até que vim e os meus olhos o viram; eis que não me disseram metade; sobrepujaste em sabedoria e bens a fama que ouvi.
8 Bem-aventurados os teus homens, bem-aventurados estes teus servos, que estão sempre diante de ti, que ouvem a tua sabedoria!
9 Bendito seja o Senhor teu Deus, que teve agrado em ti, para te pôr no trono de Israel; porque o Senhor ama a Israel para sempre, por isso te estabeleceu rei, para fazeres juízo e justiça.
10 E deu ao rei cento e vinte talentos de ouro, e muitíssimas especiarias, e pedras preciosas; nunca veio especiaria em tanta abundância, como a que a rainha de Sabá deu ao rei Salomão.
11 Também as naus de Hirão, que de Ofir levavam ouro, traziam de Ofir muita madeira de almugue, e pedras preciosas.
12 E desta madeira de almugue fez o rei balaústres para a casa do Senhor, e para a casa do rei, como também harpas e alaúdes para os cantores; nunca veio tal madeira de almugue, nem se viu até o dia de hoje.
13 E o rei Salomão deu à rainha de Sabá tudo o que ela desejou, tudo quanto pediu, além do que dera por sua generosidade; então voltou e partiu para a sua terra, ela e os seus servos.
14 E o peso do ouro que se trazia a Salomão cada ano era de seiscentos e sessenta e seis talentos de ouro;
15 Além do que entrava dos negociantes, e do contrato dos especieiros, e de todos os reis da Arábia, e dos governadores da mesma terra.
16 Também o rei Salomão fez duzentos paveses de ouro batido; seiscentos siclos de ouro destinou para cada pavês;
17 Fez também trezentos escudos de ouro batido; três arráteis de ouro destinou para cada escudo; e o rei os pôs na casa do bosque do Líbano.
18 Fez mais o rei um grande trono de marfim, e o revestiu de ouro puríssimo.
19 Tinha este trono seis degraus, e era o alto do trono por detrás redondo, e de ambos os lados tinha encostos até ao assento; e dois leões, em pé, juntos aos encostos.
20 Também doze leões estavam ali sobre os seis degraus de ambos os lados; nunca se tinha feito obra semelhante em nenhum dos reinos.
21 Também todas as taças de beber do rei Salomão eram de ouro, e todos os vasos da casa do bosque do Líbano eram de ouro puro; não havia neles prata, porque nos dias de Salomão não tinha valor algum.
22 Porque o rei tinha no mar as naus de Társis, com as naus de Hirão; uma vez em três anos tornavam as naus de Társis, e traziam ouro e prata, marfim, e bugios, e pavões.
23 Assim o rei Salomão excedeu a todos os reis da terra, tanto em riquezas como em sabedoria.
24 E toda a terra buscava a face de Salomão, para ouvir a sabedoria que Deus tinha posto no seu coração.
25 E cada um trazia o seu presente, vasos de prata e vasos de ouro, e roupas, e armaduras, e especiarias, cavalos e mulas; isso faziam de ano em ano.
26 Também ajuntou Salomão carros e cavaleiros, de sorte que tinha mil e quatrocentos carros e doze mil cavaleiros; e os levou às cidades dos carros, e junto ao rei em Jerusalém.
27 E fez o rei que em Jerusalém houvesse prata como pedras; e cedros em abundância como figueiras bravas que estão nas planícies.
28 E traziam do Egito, para Salomão, cavalos e fio de linho; e os mercadores do rei recebiam o fio de linho, por um certo preço.
29 E subia e saía um carro do Egito por seiscentos siclos de prata, e um cavalo por cento e cinqüenta; e assim, por meio deles, eram exportados para todos os reis dos heteus e para os reis da Síria.

sexta-feira, 27 de abril de 2012


Todo Dia Com Jesus

João 7:25-36

O versículo 25, comparado com o 20, prova a hipocrisia desses judeus. E tal como foi naquele tempo, o Senhor Jesus hoje ainda é alvo de vãs conclusões. Cada um dá o seu parecer; discute-se a opinião dos governantes. Em realidade, se a presença e as palavras do Senhor provocam tal agitação, é porque essa gente está perturbada interiormente por essa Voz que, embora não queiram admitir, sentem que é a de Deus (compare v. 28). Tratam de esquivar-se desta voz ao persuadirem-se a si mesmos de que este galileu não pode ser o Cristo porque conhecem a Sua família e o Seu lugar de origem. Jesus responde: "Vós conheceis-me" - aliás melhor do que pensam; é vossa consciência quem vos diz que sou, e vos acusa.
É muito solene ouvir o Senhor levantar a Sua voz a essa multidão (v. 28, 37; compare com Provérbios 8:1 e 9:3). Tampouco hoje, ninguém poderá dizer que não tem ouvido.
"Também onde eu estou, vós não podeis ir", declara o Senhor a todos aqueles incrédulos (v. 34). Porém os Seus, em troca, possuem a Sua promessa, infinitamente preciosa: "Voltarei e vos receberei para mim mesmo, para que onde eu estou estejais vós também" (João 14:3). Querido leitor, qual dessas duas sentenças o Senhor pode dirigir a você? Onde você passará a eternidade?

Criticando aprovação de projeto que permite anulação de decisões do STF, ativista gay afirma que políticos cristãos tem “atitude baixa”. Leia na íntegra


A aprovação da PEC 03/2011 pela Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados repercutiu entre os ativistas gays.
Se aprovado em plenário na Câmara e no Senado, o projeto alteraria a Constituição Federal permitindo ao Poder Legislativo suspender decisões não apenas do Poder Executivo, mas também do Judiciário.
Como consequência, recentes decisões do STF, como a descriminalização do aborto de anencéfalos e legalização da união civil entre homossexuais seriam anuladas pelos parlamentares.
O blogueiro do site Mix Brasil, Francisco Hurtz, publicou artigo repudiando as iniciativas dos parlamentares cristãos, que permitiram a aprovação por unanimidade da proposta do projeto. “A sede por poder parece nunca terminar quando se trata das bancadas cristãs na política atual”, criticou ele.
Segundo Hurtz, “o projeto foi aprovado por unanimidade numa união política entre deputados evangélicos e católicos logo após ter se tornado prioridade depois da descriminalização do aborto de fetos anencéfalos aprovada pelo Superior Tribunal Federal”.
Fracisco Hurtz afirma que as iniciativas das bancadas evangélicas e católicas estão levando o Brasil de volta à Idade Média: “Estamos vivendo um momento muito perigoso no Brasil. Estamos correndo o perigo de nos tornarmos um Regime Teocrático, como o Irã. Estamos voltando a uma nova Idade Média. E como na Idade Média o massacre social se deu por uma razão bastante simples: DINHEIRO E PODER”.
O blogueiro classifica como “atitude muito baixa” a proposta de permitir ao legislativo anular decisões do judiciário, e afirma que “existe um plano de lançar a candidatura de um presidente com apoio financeiro de igreja”.
Para Hurtz, os homossexuais são tratados de forma desigual pela sociedade: “Enquanto isso gays são tratados como cidadãos se segunda categoria, que não podem casar, não podem adotar e não podem sequer sair na rua sem o perigo de serem brutalmente assassinados só pelo fato de serem homossexuais ou transgêneros”.
Confira abaixo a íntegra do artigo “Cristãos e a busca desmedida pelo poder na política”, de Francisco Hurtz:
A sede por poder parece nunca terminar quando se trata das bancadas cristãs na política atual. A última novidade desagradável foi nessa quarta-feira, 25, a aprovação na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) de uma Proposta de Emenda Constitucioanal (PEC) que permite ao Congresso vetar decisões do Judiciário.
O projeto foi aprovado por unanimidade numa união política entre deputados evangélicos e católicos logo após ter se tornado prioridade depois da descriminalização do aborto de fetos anencéfalos aprovada pelo Superior Tribunal Federal – as decisões do STF não podem ser contestadas – pelo menos não antes dessa PEC ser analisada por uma comissão especial para depois ser votada em dois turnos com a aprovação de 308 deputados para finalmente ser encaminhada ao senado.
Vale lembrar que essa onda progressista se deve às decisões do STF e vem justamente por conta da ineficiência do Poder Legislativo em relação à aprovação de Leis que vão contra ao pensamento cristão e a favor de minorias como os gays e mulheres grávidas de fetos sem cérebro.
Estamos vivendo um momento muito perigoso no Brasil. Estamos correndo o perigo de nos tornarmos um Regime Teocrático, como o Irã. Estamos voltando a uma nova Idade Média. E como na Idade Média o massacre social se deu por uma razão bastante simples: DINHEIRO E PODER.
Você já viu aquela propaganda de partido que diz que Homem + Mulher + Filhos = FAMÍLIA? Estão querendo nos fazer engolir valores religiosos que vão contra a constituição e a dignidade da pessoa humana.
Se Homem + Mulher + Filhos = FAMÍLIA, logo podemos dizer que:
Mulher + Filhos ≠ família
Homem + Filhos ≠ família
Homem + Mulher – Filhos ≠ família
Mulher + Mulher + Filhos ≠ família
Homem + Homem + Filhos ≠ família
Mulher + Mulher ≠ família
Homem + Homem ≠ família
Pensamentos religioso nada inclusivo, concorda? O Brasil é feito somente para os cristãos? NÃO. Somos pessoas inferiores aos cristãos heterossexuais como nos querem fazer acreditar? OBVIAMENTE NÃO.
O que acontece:
1 – quanto mais cristãos nas igrejas maior é a arrecadação de dízimos livres de impostos.
2 – quanto mais dinheiro livre de impostos, mais dinheiro disponível para a construção de mais igrejas pra conseguir mais cristãos e mais dinheiro livre de impostos.
3 – quanto mais igrejas e mais dinheiro, sobra verba para bancar campanhas de políticos representantes dessas igrejas.
4 – quanto mais políticos ligados às igrejas, maior a pressão para calar as minorias e favorecer os ideais cristãos.
5 – quanto maior repressão política em cima das minorias, maior o poder, maior influência na sociedade.
6 – quanto maior a influência na sociedade, maior é a quantidade de pessoas procurando igrejas e dando seu dinheiro livre de impostos pra sustentar toda essa cadeia.
Querer ter o poder de barrar uma decisão do Poder Judiciário é uma atitude muito baixa, independente de qualquer texto político usado pra defender essa postura. Tenho medo do futuro da liberdade nesse país. Já existe um plano de lançar a candidatura de um presidente com apoio financeiro de igreja. Nossa presidenta não faz nenhuma pressão política pra aprovar a Lei Anti-Homofobia porque quer os votos dessa parcela da população. Enquanto isso gays são tratados como cidadãos se segunda categoria, que não podem casar, não podem adotar e não podem sequer sair na rua sem o perigo de serem brutalmente assassinados só pelo fato de serem homossexuais ou transgêneros.
Se você está tão indignado como eu, por favor espalhe esse texto, essas ideias e toda sua insatisfação com todos seus amigos. Espalhe sempre essas notícias absurdas pra quem você puder. As pessoas precisam se indignar pra tomar uma atitude, o brasileiro é muito pouco combativo. Precisamos estimular o conhecimento no Brasil. Se você acha que não pode fazer nada saiba que você pode sim, espalhe a notícia pra todos, conscientize.
SÓ O CONHECIMENTO LIBERTA.
Fonte: Gospel+

Doações para manutenção

Banco Bradesco
Ag. 1804-0 c/c 00585785

Banco Bradesco
Ag.1804-0 conta poupança 1008973-5