terça-feira, 28 de fevereiro de 2017

Cinco recompensas pela generosidade

Versículo do dia: Compartilhai as necessidades dos santos; praticai a hospitalidade. (Romanos 12.13)
Quais são as recompensas se nós confiamos nas promessas de Deus, damos generosamente e abrimos nossos lares uns aos outros e aos necessitados?
  1. O sofrimento dos santos será aliviado ou pelo menos diminuído. Isso é o que este versículo quer dizer quando afirma: “Compartilhai as necessidades dos santos”. Nós levantamos um fardo, aliviamos o estresse e damos esperança. E isso é uma recompensa!
  2. A glória de Deus é demonstrada. Mateus 5.16: “Assim brilhe também a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai que está nos céus”. Casas generosas e receptivas manifestam a glória, bondade e excelência de Deus em sua vida. A razão pela qual Deus nos dá dinheiro e lares é para que, pela maneira como os usamos, as pessoas possam ver que eles não são o nosso Deus, mas que Deus é o nosso Deus e tesouro.
  3. Mais ações de graças são dadas a Deus. 2 Coríntios 9.12: “O ministério dessa assistência não apenas supre a necessidade dos santos, mas também redunda em muitas graças a Deus”. Deus nos deu dinheiro e casas não apenas para que sejamos agradecidos, mas para que por meio de nossa generosidade e hospitalidade muitas pessoas sejam gratas a Deus.
  4. Nosso amor por Deus e seu amor por nós é confirmado. 1 João 3.17: “Ora, aquele que possuir recursos deste mundo, e vir a seu irmão padecer necessidade, e fechar-lhe o seu coração, como pode permanecer nele o amor de Deus?”. Em outras palavras, quando damos generosamente e abrimos nossas casas, o amor de Deus é confirmado em nossas vidas. Nós somos verdadeiros. Nós não somos falsos cristãos.
  5. Finalmente, depositamos um tesouro no céu. Lucas 12.33-34: “Vendei os vossos bens e dai esmola; fazei para vós outros bolsas que não desgastem, tesouro inextinguível nos céus… porque, onde está o vosso tesouro, aí estará também o vosso coração”.
As casas generosas e receptivas estão próximas do centro da vida em Cristo. As razões pelas quais não abrimos nossos talões de cheques e nossos lares tão frequentemente como deveríamos estão enraizadas na escravidão do medo e da ganância. O remédio é o prazer da presença de Cristo e a certeza de sua promessa: “E o meu Deus, segundo a sua riqueza em glória, há de suprir, em Cristo Jesus, cada uma de vossas necessidades” (Filipenses 4.19).
Nossa recompensa é a demonstração da glória de Deus, o bem dos outros e a alegria de entesourar em Cristo para sempre. Portanto, exorto-lhes: “Compartilhai as necessidades dos santos; praticai a hospitalidade”.
Por: John Piper. © Desiring God – Solid Joys
Original: 29 de Fevereiro – Cinco recompensas pela generosidade. © 2017 Ministério Fiel. Todos os direitos reservados. Website: MinisterioFiel.com.br. Tradução: Camila Rebeca Almeida. Revisão: Vinicius Musselman. Narração: Emílio Garofalo Neto.
Permissões: Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir este material em qualquer formato ou canal, desde que adicione um link para esta postagem, não altere o conteúdo original e não venda o material ou acesso ao material.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Doações para manutenção

Banco Bradesco
Ag. 1804-0 c/c 00585785

Banco Bradesco
Ag.1804-0 conta poupança 1008973-5